sábado, 28 de fevereiro de 2009

Esquilo Vermelho (Sciurus vulgaris)


Este bonito roedor foi dado com extinto em meados do séc XVI e durante quase 500 anos assim permaneceu até que em 1992 foi avistado pela 1ª vez na Serra do Gerês, e foi proliferando até hoje ser considerada uma espécie bastante comum em várias regiões.
O seu nome pode ser enganador pois este esquilo pode apresentar várias colorações que vão desde o vermelho vivo ao preto passando por toda uma gama de cinzentos e castanho, pode medir até 24cm e a sua cauda pode atingir os 17cm ficando levantada sobre a cabeça.
O seu habitat é maioritariamente florestal podendo ser encontrado em florestas de coníferas, florestas compostas, bosques e parques verdes, onde procura o seu alimento, que consiste  em sementes, folhas, frutos, ocasionalmente consume líquenes e cogumelos podendo mesmo comer ovos, pequenas aves e insectos.

Material utilizado: Canon 400d, Telescópio William Optics Zenithstar 80 II ED APO, tripé, abrigo

2 comentários:

Joli disse...

Ooooh ^^ Tão giro :D

O teu blog está cada vez melhor, continua! :)

Sofia Scheltinga disse...

Gosto muito desta, o enquadramento está óptimo!Continua!